Histórico
 18/03/2007 a 24/03/2007
 11/03/2007 a 17/03/2007
 04/03/2007 a 10/03/2007
 25/02/2007 a 03/03/2007
 18/02/2007 a 24/02/2007
 11/02/2007 a 17/02/2007
 04/02/2007 a 10/02/2007
 24/12/2006 a 30/12/2006
 17/12/2006 a 23/12/2006
 26/11/2006 a 02/12/2006
 19/11/2006 a 25/11/2006
 12/11/2006 a 18/11/2006
 05/11/2006 a 11/11/2006
 29/10/2006 a 04/11/2006
 22/10/2006 a 28/10/2006
 15/10/2006 a 21/10/2006
 08/10/2006 a 14/10/2006
 01/10/2006 a 07/10/2006
 24/09/2006 a 30/09/2006
 17/09/2006 a 23/09/2006
 10/09/2006 a 16/09/2006
 03/09/2006 a 09/09/2006
 27/08/2006 a 02/09/2006
 20/08/2006 a 26/08/2006
 13/08/2006 a 19/08/2006
 06/08/2006 a 12/08/2006
 30/07/2006 a 05/08/2006
 23/07/2006 a 29/07/2006
 16/07/2006 a 22/07/2006
 09/07/2006 a 15/07/2006
 02/07/2006 a 08/07/2006
 25/06/2006 a 01/07/2006
 18/06/2006 a 24/06/2006
 11/06/2006 a 17/06/2006
 04/06/2006 a 10/06/2006
 28/05/2006 a 03/06/2006
 21/05/2006 a 27/05/2006
 14/05/2006 a 20/05/2006
 07/05/2006 a 13/05/2006
 30/04/2006 a 06/05/2006
 23/04/2006 a 29/04/2006
 16/04/2006 a 22/04/2006
 09/04/2006 a 15/04/2006
 02/04/2006 a 08/04/2006
 26/03/2006 a 01/04/2006
 19/03/2006 a 25/03/2006
 12/03/2006 a 18/03/2006
 05/03/2006 a 11/03/2006
 05/02/2006 a 11/02/2006
 29/01/2006 a 04/02/2006
 22/01/2006 a 28/01/2006
 15/01/2006 a 21/01/2006
 20/11/2005 a 26/11/2005
 12/06/2005 a 18/06/2005
 18/07/2004 a 24/07/2004
 11/07/2004 a 17/07/2004
 04/07/2004 a 10/07/2004
 27/06/2004 a 03/07/2004
 20/06/2004 a 26/06/2004
 13/06/2004 a 19/06/2004


Votação
 Dê uma nota para meu blog


Outros sites
 Apenas Meus Poemas
 Blog do Tubão
 Blogless
 Cantinho da Carol
 Cantinho de uma Mente Perturbada
 Daniela
 Diário da Tina
 Elegias & Tristes Poesias
 Escrevinhadores
 Fala Poética
 Força do Amor
 Idéias Grafadas
 Jacqueline
 Kall
 La Vie en Rose
 Letras Descompassadas
 Mata Hari & 007
 Meio da Ponte
 O Mundo de Penélope Charmosa
 Pequenos Textos Bucólicos
 Perfumaria
 Pétalas de Mulher
 Poemeu
 Scarface Sampa
 Semeando Palavras
 Templo das Almas
 Tristes Elegias
 Vale da Solidão
 UOL - O melhor conteúdo
 BOL - E-mail grátis


 
 
Poemas, Poesias e Elegias - Tomo I


Esta semana fiquei só de novo. O Chefe viajou e o serviço está daquele jeito...

Mas o post de hoje é diferente. Soube que um amigo meu faleceu. Tratava-se de um grande poeta. O nome dele é Manoel Meireles. Ele tinha um blog, o Fala Poética, que ainda está linkado aí ao lado. Pessoa simpática e cheia de uma alegria contagiante em seus posts, começou a publicar seus poemas depois que insistimos muito. O cara era realmente bom! Vale a pena passar lá no blog dele e conferir o que ele escrevia.

Como amante da boa leitura que sou, o blog dele, depois que nos separamos (chegamos a postar juntos em um blig, com mais três, e depois quatro, grandes poetisas), tornou-se passagem obrigatória e sinônimo de bom gosto. Alguns de seus poemas foram traduzidos para o italiano...

O fato é que a internet perdeu um grande poeta e um excelente escritor.

Nel, obrigado pelo prazer que você proporcionou a todos quando resolveu publicar seus textos. Eu me considero um dos grandes agraciados.

Aqueta.

 

Escrito naquela época:

HORA DA SAUDADE

José Infante Néto

 

Lá em Atibaia, no Rancho do Mair,

antes da noite e depois do dia,

vovó nos convidava a ouvir

o silêncio de um momento de magia:

era a hora da saudade!

Entre a noite que se inicia

e o fim de mais um dia,

lá no rancho longe da cidade,

quando os diurnos já dormiam

e antes dos noturnos despertarem,

quando nem as sombras se moviam

ao sentir as brisas estagnarem,

tudo parado,

tudo silenciado!

Só o som da reflexão...

Cinco minutos de ponderação...



Escrito por Aqueta às 09:07
[ ] [ envie esta mensagem ]



POEMAS DEMENTES

José Infante Néto

 

Hoje canto um canto triste,

quando canto,

porque não há mais encanto,

nem musas,

nem rimas...

 

Hoje os versos são fugas

destas entranhas apodrecidas

de um mero cadáver indigente...

São só lamentos tristes

de poemas dementes...



Escrito por Aqueta às 11:03
[ ] [ envie esta mensagem ]




[ ver mensagens anteriores ]